"Pouco passava das 11h30 quando se deu uma explosão no laboratório de microbiologia da EPAAD - Escola Profissional Agrícola Afonso Duarte. O descuido no manuseamento de produtos químicos acabou por provocar num incêndio e uma vítima inconsciente.
O cenário foi hipotético, mas serviu para testar os procedimentos de emergência internos do Plano de Segurança da escola, testar a capacidade de resposta das entidades e recursos no teatro das operações, envolvendo o Serviço Municipal de Proteção Civil, os Bombeiros Voluntários de Montemor-o-Velho, a Cruz Vermelha Portuguesa – delegação da Carapinheira e a Guarda Nacional Republicana.
A iniciativa, integrada no projeto “Alerta na Escola!”, contou com a presença do presidente da Câmara, Emílio Torrão, da vereadora e presidente da ADA – Associação Diogo de Azambuja, Paula Rama, e do diretor da EPAAD, Joaquim Carraco.
No final realizou-se uma reunião de avaliação, na qual o autarca montemorense agradeceu “a disponibilidade de todos os agentes de proteção civil envolvidos”, congratulando-se com o facto “de todos os professores, fun
cionários, alunos e entidades terem desempenhado com eficácia as suas funções”."

alt

Fonte: https://www.facebook.com/municipio.montemorvelho/