Pré-inscrição para cursos Profissionais

Formação Contínua

Formações Modulares Certificadas
Clique para mais informações

Apoios a Formandos 2018-20219

Clique aqui para mais informações

 

Utilizadores Online

Temos 73 visitantes em linha

Jorge Eduardo St. Aubyn de Figueiredo, presidente da Câmara Municipal do Sal (Cabo Verde), visitou, dia 18, os seus jovens concidadãos que frequentam a Escola Profissional de Montemor-o-Velho (EPM).

Tratou-se de uma visita de cortesia, pois, segundo o autarca salense, “o acompanhamento da formação escolar e profissional dos jovens do concelho do Sal, quer em Cabo Verde, quer no exterior, é feito pela vereadora da Educação, Promoção Social e Condição Feminina, Judite Neves Santos”. Porém, adianta, “estando em Torres Novas a participar nos “Encontros de Lusofonia”, e em Alcanena, no âmbito da geminação deste município com o de Sal, sentia-me na obrigação de reunir com os jovens concidadãos que estudam em Montemor-o-Velho”.

Jorge Eduardo de Figueiredo foi recebido pelo director Pedagógico da EPM e pelo director financeiro da Associação Diogo de Azambuja (ADA), titular da EPM.

Mário Jorge explicou a “conduta exemplar que os jovens têm demonstrado” e a notável “integração e sociabilização” na comunidade concelhia de Montemor-o-Velho. Frisou constituir uma honra para a EPM/ADA “ser uma parceira na valorização do saber e do saber-fazer”, na formação de “profissionais qualificados para o desenvolvimento de Cabo Verde”.

Depois do “encontro com os jovens”, o autarca salense foi convidado a visitar as instalações da Escola Profissional, onde aferiu, “in loco”, as condições de ensino/formação que são facultadas a todos os alunos da escola.

O edil teceu rasgados elogios às condições dos espaços visitados, equipamentos e materiais didácticos e à integração dos seus concidadãos na escola. Sublinhando o nível de formação profissional da EPM “com excelentes resultados”, o edil salense reiterou “o desejo de manter as parcerias com a EPM/ADA”.

Aldo Aveiro