Amanhã, dia 1 de Julho, pelas 21h00, a Associação Diogo de Azambuja (ADA), integrando a Escola Profissional de Montemor-o-Velho (EPM) e a Escola Agrícola Afonso Duarte, realiza o seu Sarau de encerramento do ano lectivo, no Anfiteatro Municipal de Montemor-o-Velho.

Trata-se de um momento festivo para os alunos, após “longos” meses dedicados ao conhecimento e formação profissional. O evento também integra a cerimónia de entrega dos Diplomas aos Formandos Finalistas do curso EFA – Técnico de Desenho de Construção Civil.

Com um programa aliciante, elaborado pelos alunos da ADA com o empenho e dedicação dos docentes e funcionários e colaboração dos pais e encarregados de educação, esta iniciativa promete “desassossegar” a comunidade educativa, garantindo convívio, alegria, movimento, música e, sobretudo, muita criatividade. Do programa constam apresentações multimédia, danças, actuações musicais, peças de teatros, entre outras.

“O Sarau é um momento de celebração, de valorização da auto - estima dos jovens alunos que terminam o seu curso”. Quem o diz é o director pedagógico da EPM, Mário Jorge Silva, afirmando que “também é um orgulho para a ADA”. Isto porque, reconhece, além de formar cidadãos de futuro, “os cursos ministrados na ADA têm grandes índices de empregabilidade.”

Explicando que “o saber-fazer” passa pelas escolas profissionais”, Mário Jorge realça a “reconhecida qualidade formativa proporcionada nas escolas da ADA”. “O ensino profissional garante duas qualificações”, observa, referindo que “além do nível de escolaridade (9.º ou 12.º ano), os jovens adquirem a habilitação profissional, para entrada no mercado de trabalho”. “No próximo ano lectivo vamos apostar em novos cursos, atendendo às áreas vocacionais dos jovens”, adianta.